Você sabe o que é Síndrome de Burnout? É um distúrbio psíquico de caráter depressivo, precedido de esgotamento físico e mental intenso. A causa está intimamente ligada à vida profissional, seus excessos e descompensações.

O assunto é tão sério, que até mesmo a classe médica tem um índice alto de incidência da síndrome. A síndrome de Bournout conquistou espaço prioritário na agenda do Conselho Federal de Medicina (CFM) em 2017, para que seja prevenido e tratado entre os médicos. Por isso que hoje quero abordar esse tema e ajudar aqueles que passam por esse problema, que além de tudo, é de difícil diagnóstico.

Além de terapia, a prática ortomolecular ajuda no tratamento e também na prevenção. As disposições bioquímicas internas são um dos pontos afetados. Pois, em praticamente todos os que sofrem de burnout uma diminuição dos níveis de glutationa intracelular pode ser medida. Esta relação é explicada fisiologicamente, devido a glutationa ser essencial para o metabolismo de energia do organismo envolvido.

Ômega-3, linhaça, zinco, cobre, magnésio e potássio podem ser indicados para ansiedade e desestabilidade humoral. Raízes como Ginseng e Pfaffia podem ser indicados para restaurar o esgotamento. Além disso, um exame minucioso avalia os nutrientes do organismo, que podem contribuir para manter o corpo em equilíbrio, ajudando no tratamento.

Dra. Juliana Lobato
Médica – CRM-MT 6918
RQE 3649

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.